Clara luz da noite

Pensamento aos pedaços

Depois das intempéries de minhas desventuras ao me atrever a patinar, muito feliz já com os primeiros passos venho contar que consegui, mesmo tendo que escolher a noite como companheira. Achei que seria melhor e foi mesmo. Primeiro porque como o nome do post à noite todos os gatos são pardos*, o que pode ser entendido de diversas maneiras no auxílio que me prestou para o deslanche de minhas (dessa vez) aventuras, pode ser por eu ficar mais obscura ou os outros ficarem ignorados por mim, mas a minha "desculpa" eleita é como não vou enxergar direito não me atenho à detalhes e sigo sem pensar muito. Aconteceu que deu certo. Já no dia seguinte fui pela manhã, mas aquela multidão de gente e os pequenos desníveis da pista me atordoaram novamente!!! Uma pena, pois o deslizar da noite anterior tinha me animado bastante.... O chato é ouvir palavras que de motivadoras não têm nada e que trazem consigo um sentimento de "estaca zero" que acabavam me deixando um pouco desanimada, e lendo este post que ainda não havia sido publicado achei bastante pertinente para o momento transcrever esse trechinho da entrevista feita com a neta de Gandhi, um ser iluminado que meditava muito sobre o que era certo e errado, afirmações dele repetidas pela neta, como: "enquanto esperamos que os outros mudem, não nos aperfeiçoamos", realmente, se ficar esperando ser tratada de maneira diferente antes de conseguir me aperfeiçoar com os patins, por exemplo, pode levar muito mais tempo que o esperado, e como sou um tiquinho impaciente no que se refere a mim, é melhor tomar uma atitude, o que levou a pensar sobre outra afirmativa dele que incitava com um "não pergunte a mim, pergunte à sua consciência”, que é ótima e me perguntando descobri que não quero esperar nada nem ninguém, pois é isso justamente o contrário do pedido da minha consciência. E ela também me rogava para não pensar que não daria certo pois só se dá assim se eu não tentar. Por fim: basta de pensamento negativo!

Pensamentos negativos estão relacionados à poluição do ambiente?

Tara Gandhi: A mente é a parte simbólica do ser e tem alcance profundo. Eu relaciono a mente com o espaço ou com o desconhecido. Ela nos permite viajar e pensar em ritmo veloz, mas essa velocidade pode poluir a atmosfera. Pensamentos negativos, como a violência, têm início na mente e depois se materializam sob a forma de medo, ganância, genocídio, arrependimento. Os princípios do amor e da verdade também habitam nossa mente e representam bases mais fortes para se viver com criatividade, permitindo que o mundo progrida. Quando rezamos, estamos viajando para além do horizonte, pois a mente não tem limites. A partir da abstração mental surge algo concreto, como o contato entre as mentes e os corações. É isso que chamo de mente e ambiente. Quando você encontra pessoas felizes, é porque alguma coisa no ambiente é compartilhada por todos.

(Pergunta feita a Tara Gandhi Bhattacharjee, neta do pacifista Mahatma Gandhi (1869-1948), sobre a filosofia de seu avô, texto: Renato Mendes, de Lisboa / Revista Bons Fluidos, Setembro 2010).


Tara Gandhi Bhattacharje


*Este ditado popular, tem uma explicação física: com baixa luminosidade(a noite), os cones (células fotossensíveis da retina), que são responsáveis pela visão colorida, são menos sensíveis do que os bastonetes (c. fotossensíveis da retina), estes, que distinguem apenas as diferentes intensidades de brilho, e portanto correspondem à uma visão em preto e branco.

0 comentários:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe seu comentário aqui.

Evite acidentes, faça tudo de propósito!

É ao mesmo tempo fascinante e amoral. Celebra a vida!


Essa que vos fala

Minha foto
Existe aqui uma mulher Uma bruxa, uma princesa Uma diva, que beleza! Escolha o que quiser Mas ande logo Vá depressa Nem se atreva A pensar muito O meu universo Ainda despreza Quem não sabe O que quer...

Atalho do Facebook

Sejam bem vindos!!!

"Já aviso, aqui a casa é ventilada, o coração é quente e as vontades têm a temperatura exata para os sonhos".
Vanessa Leonardi

Um lema

"Não me pergunte quem sou e não me peça para permanecer o mesmo".

Michel Foucault


Porque?

Pra pensar, pra desabafar, pra gritar pro mundo...
Pra compartilhar, pra chorar e pra rir de tudo!!!

tá procurando o quê?

"Apenas viver não é o suficiente, disse a borboleta, É preciso ter sol, liberdade e uma pequena flor!"

Total de visualizações de página

Postagens populares

Seguidores

Tecnologia do Blogger.

Follow by Email

Páginas

Labels